Seguir o O MINHO

Cávado

Câmara de Barcelos investe 755 mil euros em acessibilidades ao “Politécnico”

em

O Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA), em Barcelos, vai dispor, a partir de meados deste ano, de dois novos acessos, um rodoviário e outro pedonal, num investimento total que ascende a 755 mil euros, informou esta quarta-feira fonte camarária.

Segundo a fonte, o acesso rodoviário está em fase de análise de propostas, prevendo-se que a adjudicação da obra ocorra ainda em janeiro.

Trata-se do nó de ligação ao IPCA pela circular rodoviária de Barcelos (Estrada Nacional 204), em Vila Frescaínha S. Martinho.

O prazo de execução é de 180 dias e a obra está orçada em 440 mil euros.

Atualmente, existem várias dificuldades de acesso ao IPCA devido aos elevados fluxos de tráfego, agravadas pela estrutura da rede viária existente – estreita e com deficiências ao nível dos passeios, do escoamento das águas pluviais e da conservação do pavimento.

Para a câmara, esta é uma intervenção “de grande importância” para os utilizadores do Instituto Politécnico, para os moradores e para todos os cidadãos em geral, já que permitirá uma ligação “mais rápida, mais direta e mais segura”.

Quanto ao acesso pedonal, as obras, avaliadas em 315 mil euros, já arrancaram na segunda metade de dezembro, sendo o prazo de execução de 180 dias.

Trata-se de uma passagem superior sobre o corredor verde da Ribeira de Patarro, que ligará, de uma forma mais rápida e mais segura, o IPCA ao centro da cidade de Barcelos.

A passagem terá uma extensão de 215 metros e uma largura de três metros.

Populares