Seguir o O MINHO

Barcelos

Buscas sobre “viaturas, viagens e projetos” levaram à detenção do autarca de Barcelos

em

A Câmara de Santo Tirso revelou hoje que “estão a decorrer diligências inspetivas” da Polícia Judiciária na autarquia, tendo os autos da autoridade solicitado informações sobre “utilização e viaturas”, “viagens de trabalho” e “projetos de arquitetura”. A operação da PJ levou à detenção também de Miguel Costa Gomes, presidente da Câmara de Barcelos.


“De acordo com os autos apresentados pelos inspetores, estão a ser solicitadas informações sobre três assuntos: utilização de viaturas municipais por parte de elementos do executivo municipal; viagens de trabalho realizadas pelo executivo municipal; contratação de dois projetos de arquitetura”, esclarece o gabinete de comunicação da Câmara de Santo Tirso.

Presidente da Câmara de Barcelos detido

O presidente daquela autarquia, Joaquim Couto, foi hoje detido por corrupção, tráfico de influência e participação económica em negócio, segundo a PJ, que deteve também o presidente Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto e o presidente da Câmara de Barcelos devido à “prática reiterada de viciação de procedimentos de contratação pública com vista a favorecer pessoas singulares e coletivas, proporcionando vantagens patrimoniais”.

No comunicado, a Câmara de Santo Tirso diz que “desconhece o teor das informações que estão a ser veiculadas pela comunicação social”.

A autarquia acrescenta que “está a prestar à Polícia Judiciária a sua total colaboração, disponibilizando toda a documentação solicitada”.

“A Câmara de Santo Tirso tem-se pautado pelo respeito escrupuloso da lei, estando, por isso, tranquila com o desenrolar dos procedimentos”, acrescenta o município.

Além de Joaquim Couto, de 68 anos, e Miguel Costa Gomes, de 61, a PJ deteve o presidente IPO do Porto, Laranja Pontes, 68 anos, e uma empresária.

Mulher do presidente Câmara de Santo Tirso também detida pela PJ

Fonte da PJ disse à Lusa que, pelas 11:15, estavam em curso buscas nas câmaras de Santo Tirso, distrito do Porto e de Barcelos, distrito de Braga.

Na operação policial realizaram-se mais oito outras buscas, domiciliárias e não domiciliárias, nas zonas do Porto, Santo Tirso, Barcelos e Matosinhos que envolveram dezenas de elementos da Polícia Judiciária.

Em comunicado, a Diretoria do Norte da PJ explica que a detenção está relacionada com “negócio no âmbito de contratação pública” e resulta de “inquérito titulado pelo Ministério Público – Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) do Porto”.

“A investigação, centrada nas autarquias de Santo Tirso, Barcelos e Instituto Português de Oncologia do Porto, apurou a existência de um esquema generalizado, mediante a atuação concertada de autarcas e organismos públicos, de viciação fraudulenta de procedimentos concursais e de ajuste direto com o objetivo de favorecer primacialmente grupos de empresas, contratação de recursos humanos e utilização de meios públicos com vista à satisfação de interesses de natureza particular”, afirma a PJ.

Anúncio

Barcelos

Ferido grave após despiste em Barcelos

Acidente

em

Foto: Redes Sociais

Um homem de 42 anos sofreu ferimentos graves na sequência de um despiste, ao final da tarde desta terça-feira, em Barcelos.

A viatura ligeira em que o condutor seguia entrou em despiste no limite entre as freguesias de Alheira e Sandiães, junto a uma ponte, na Estrada Nacional 306.

Para o local foi ativada uma ambulância dos Bombeiros de Barcelos, com dois operacionais, e a viatura médica de Barcelos.

A vítima já estava fora da viatura que ficou totalmente destruída.

Foi transportada para o Hospital de Barcelos em estado grave.

A GNR registou a ocorrência.

Continuar a ler

Barcelos

Fundador dos Santamaria encontrado morto vivia em Barcelos

Óbito

em

Foto: DR

Tony Lemos, fundador do grupo musical Santamaria, que foi encontrado morto ao início da tarde desta terça-feira, residia em Fornelos, Barcelos, com a companheira. Ao que tudo indica, o homem terá posto fim à própria vida. Tinha 48 anos.

Companheiro de Marta Silva, que explora um espaço de restauração na freguesia de Vila Seca, deixa dois filhos e um terceiro que está a caminho, uma vez que a companheira estava grávida e em fase final de gestação.

Tony Lemos e Marta Silva, na Casa das Bifanas da Marta, em Vila Seca, Barcelos. Foto: DR

A notícia comoveu os fãs da banda e muitos amigos do ‘mainstream’ que ainda recordam o fundador de uma das mais bem sucedidas bandas do final do século XX.

Em 1998, o grupo lançou o primeiro álbum, intitulado “Eu Sei, Tu És”, que marcou toda uma geração de apreciadores de música de dança no país.

Em 2001, venceu o Globo de Ouro da SIC para melhor grupo musical, batendo bandas como Xutos & Pontapés e The Gift.

O última álbum lançado pela banda, “Gold”, remonta a 2015.

Herman José e Fernando Rocha foram algumas das figuras públicas a lamentar o óbito do portuense radicado em Barcelos.

“Partiu o Tony Lemos, alma mater do grupo Santamaria. Só tinha 48 anos e muito caminho pela frente para dar largas ao seu talento. À família, aos amigos, um abraço de sentidos pêsames”, escreveu Hérman José.

“F***-** Tony, porque é que foste fazer essa m****, estou f***** contigo c****, estou a berrar por dentro. Além da tua família, todos nós te amamos c******, nada justifica o suicídio. C***** mano, porque é que foste fazer isso. F***-**, estou sem chão”, escreveu Fernando Rocha.

Ainda não há data conhecida para as cerimónias fúnebres.

LINHAS DE APOIO

Linha Jovem – 800 208 020
Todos os dias das 9 às 18 horas

Linha LUA
Telef.: 800 208 448 (entre as 20h00 e as 02h00)
website: www.ua.pt/sas/lua

Linha SOS Bullying
Telef.: 808 962 006 [2ª a 6ª f. das 11-12h30 e das 18h30-20h]
e-mail: [email protected]

SOS Estudante – 96 955 45 45 ou 808 200 204 (das 20h à 1h, chamada local)
Apoio emocional e prevenção do suicídio

Telefone da amizade – 228 323 535
Apoio em situações de crise pessoal e suicídio das 16h às 23h

S.O.S. Adolescente – 800 202 484

Conversa Amiga – 808 237 327 (chamada local)
Apoio, orientação e formação. Todos os dias das 15h às 22h

Linha SOS Palavra Amiga – 232 42 42 82
Todos os dias, das 21 à 01 horas;

Centro SOS-Voz Amiga: ajuda na solidão, ansiedade, depressão e risco de suicídio
Telef.: 21 354 45 45 – Diariamente das 16 às 24h
Telef.: 91 280 26 69 – Diariamente das 16 às 24h
Telef.: 96 352 46 60 – Diariamente das 16 às 24h
website: www.sosvozamiga.org

Linha Telefone amigo – 239 72 10 10
Todos os dias, das 17 à 01 hora

Linha Telefone Amizade – 800 205 535
De segunda a quinta, das 16 à 01 hora
Sexta e Sábado, das 19 às 21 horas

SERVIÇOS

INEM – 112

Saúde Pública – 808 211 311

Intoxicações – 808 25 01 43

Saúde 24
Telef. – 808 24 24 24
website: www.saude24.pt

APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima – 707 200 077

Linha do Medicamento – 800 22 24 44

Provedor da Justiça – 808 200 084

CNPCJR Comissão Nacional de Protecção das Crianças e Jovens em Risco
Telef.: 21 115 52 70
e-mail: [email protected]
website: http://www.cnpcjr.pt/

CPCJ Guimarães (Comissão de protecção de crianças e jovens de Guimarães – 253 414053

Linha Verde Recados das Crianças – 800 206 656

SOS Criança – Instituto de Apoio à Criança –
Telefs.:217 931 617 / 800 202 651
e-mail: [email protected]
website: http://www.iacrianca.pt

Saúde pública – 707 30 82 83

(notícia atualizada com a exclusão do local onde foi encontrado morto)

Continuar a ler

Barcelos

Número de infetados na Misericórdia de Barcelos sobe para 23

Covid-19

em

Foto: DR

A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos regista 23 casos positivos de covid-19, repartidos pelo Centro Infantil e pelo Lar de Santo André, atualizou hoje a instituição.

Em nota informativa publicada na sua página, a Santa Casa refere que sete dos casos positivos são colaboradoras do Centro Infantil de Barcelos (CIB).

“Assim, cumprindo todos os isolamentos recomendados, e por uma questão de precaução, o CIB retomará a sua atividade na próxima segunda-feira, dia 19 de outubro, com cinco turmas, e na quinta-feira, dia 22, com as restantes quatro”, sublinha.

No Lar Santo André, foram repetidos testes aos colaboradores e utentes e foram, igualmente, testados todos os novos colaboradores, com registo de oito resultados positivos em utentes e oito em colaboradores.

Uma utente teve necessidade de recorrer a tratamento hospitalar.

“Os restantes continuam bem, sem quaisquer sintomas, em confinamento nos quartos e sob acompanhamento do médico, equipa de enfermagem e auxiliares de geriatria da Santa Casa”, acrescenta a nota.

Os colaboradores com resultado positivo estão em isolamento domiciliário até se encontrarem curados, não apresentando, até agora, sintomas.

“Tendo conseguido, desde o início da atual crise de saúde pública, aguentar sete meses sem casos de infeção por SARS-Cov-2, a Santa Casa da Misericórdia de Barcelos procura agora dar a melhor resposta possível à segunda vaga em curso, mantendo no centro da ação e preocupações os cerca de 1700 utentes que serve diariamente, em todas as suas áreas de intervenção, desde a ação social à formação, e os seus mais de 400 colaboradores”, remata.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e oitenta e um mil mortos e mais de 37,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.110 pessoas dos 89.121 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Continuar a ler

Populares