Seguir o O MINHO

Braga

Braga quer reforçar Orçamento Participativo e aplaude Governo que o adoptou

em

Ricardo Rio inauguração Cantina Solidária

A Câmara de Braga pode vir a reforçar ainda mais o orçamento participativo e “aplaude” iniciativa do Governo que este ano também adotou a ferramenta onde os cidadãos são “convidados” a decidir onde se deve investir o dinheiro público.

“É um processo transparente e democrático”, faz questão de frisar Ricardo Rio, edil de Braga, que ao final desta tarde de segunda-feira esteve em Tadim a inaugurar a requalificação de uma cantina e que teve um custo de 40 mil euros.

O presidente da Câmara de Braga não coloca de parte alargar o montante disponível para o orçamento participativo.

“Uma das hipóteses é começar haver um orçamento por áreas de intervenção”, exemplificou o autarca, que aplaude ainda a decisão do atual Governo em adotar um orçamento participativo e que o prazo para o cidadão apresentar ideias termina no próximo domingo.

Um sucesso dos orçamentos participativos nas câmaras que o adotaram no país é um estímulo para o Governo também liberte uma parte dos recursos para a gestão dos cidadãos. Desejo que esta não seja uma medida avulsa e que continue”, frisa o autarca.

Já José Cunha, o presidente da direção da Casa do Povo de Tadim, destaca que a cantina não vai apenas servir as crianças do jardim-de-infância. “Aliás no de Cantina Solidária foi escolhido porque esta infraestrutura está ao serviço da comunidade e também serve 63 refeições a pessoas carenciadas todos os dias. Também aqui será um dos lugares de distribuição no concelho de bens alimentares para apoio social”, refere José Cunha.

A cantina serve cerca de 250 utentes diariamente.

Inauguração

Imauguração

Ricardo Rio

Ricardo Rio

Cantina

EM FOCO

Populares