Seguir o O MINHO

Futebol

Braga marca nos descontos e segue em frente na Taça de Portugal

Taça de Portugal

em

Foto: SC Braga

O SC Braga qualificou-se hoje para a fase seguinte da Taça de Portugal de futebol após um difícil, mas justo, triunfo por 2-1 em casa do Trofense, do Campeonato de Portugal, conseguido nos descontos.


Galeno, aos 90+3 minutos, desatou o ‘nó’ de um jogo muito ‘suado’ para os bracarenses, por culpa própria, porque foram perdulários, com Paulinho em destaque, e muito devido a uma grande exibição do guarda-redes do Trofense, Serginho.

Antes, Abel Ruiz tinha colocado o Braga em vantagem (44), mas Alan Júnior, de grande penalidade, colocou o jogo novamente igualado e só com muito suor, mesmo jogando com mais uma unidade desde os 65 minutos, é que a equipa de Carlos Carvalhal evitou o prolongamento.

Iuri Medeiros e Castro (12 e 26) ‘aqueceram’ as luvas de Serginho, mas o golo só chegou em cima do intervalo: Galeno temporizou na esquerda, Sequeira cruzou, Esgaio amorteceu de cabeça para um remate à meia volta de Abel Ruiz – o avançado espanhol, nos festejos, mostrou uma camisola do colega Moura, que se lesionou com gravidade esta semana.

O Trofense empatou pouco após o reinício, com Alan Júnior a converter uma grande penalidade que puniu uma falta de Al Musrati sobre o ponta-de-lança brasileiro.

Ricardo Horta, aos 67, e Galeno, aos 74, ameaçaram e, com mais perigo ainda, Paulinho (82). A oportunidade mais flagrante foi desperdiçada pelo novo internacional português aos 87: defronte da baliza, Paulinho permitiu uma enorme defesa do guardião que, no minuto seguinte, voltou a evidenciar-se ao parar um remate de Ricardo Horta.

E foi já no período de descontos que surgiu o golo que colocou o Sporting de Braga na fase seguinte, com Galeno, após tabela com Ricardo Horta, a rematar rasteiro (90+3).

Na resposta imediata, Keffel, num canto direto, quase traía Tiago Sá, que com uma defesa de recurso segurou a preciosa vantagem bracarense.

Ficha de Jogo

Jogo no Estádio do Clube Desportivo Trofense, na Trofa.

Trofense – SC Braga, 1-2.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Abel Ruiz, 44 minutos.

1-1, Alan Júnior, 50 (grande penalidade).

1-2, Galeno, 90+3.

Equipas:

– Trofense: Serginho, Edu, Mika, João Faria, Simão Martins, André Leão, Vasco Rocha, Bruno Almeida (Keffel, 69), João Paredes (matheus, 61), Yair (Valter Zacaria, 61) e Alan Júnior (Daniel Liberal, 79).

(Suplentes: Manu, Daniel Liberal, Benedito, Valter Zacaria, Matheus, Tito Junior e Keffel).

Treinador: António Barbosa.

– SC Braga: Tiago Sá, Esgaio, Bruno Viana, Tormena, Sequeira, Castro (João Novais, 75), Al Musrati (André Horta, 57), Iuri Medeiros (Schettine, 75), Galeno, Abel Ruiz (Ricardo Horta, 57) e Paulinho.

(Suplentes: Rogério, Raul Silva, João Novais, André Horta, Ricardo Horta, Schettine e Rodrigo Gomes).

Treinador: Carlos Carvalhal.

Árbitro: Fábio Melo (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Castro (18), André Leão (25 e 65), Yair (29), André Horta (62), Serginho (70). Cartão vermelho por acumulação de cartões amarelos para André Leão (65) e para o diretor técnico do Trofense, Hélder Sousa (90+5).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.

Anúncio

Futebol

Taça de Portugal: Braga no Montijo, Vitória recebe Santa Clara e Famalicão em Vila do Conde

Taça de Portugal

em

Foto: DR

FC Porto, detentor do troféu, e Sporting vão ser anfitriões de Tondela e Paços de Ferreira, respetivamente, na quarta eliminatória da Taça de Portugal, ditou o sorteio realizado hoje na sede da Federação Portuguesa de Futebol.

Depois de na terceira eliminatória terem eliminado o Fabril (2-0), do Campeonato de Portugal, os portistas vão receber, no Estádio do Dragão, o Tondela, equipa que milita na I Liga e que superou o Felgueiras na ronda anterior.

Este será, de resto, o primeiro embate entre o FC Porto e o Tondela na prova ‘rainha’.

O Sporting, vencedor da prova em 2019 e o conjunto mais goleador na terceira ronda, na qual venceu o Sacavenense por 7-1, vai ter pela frente o também primodivisionário Paços de Ferreira, que eliminou a Oliveirense, da II Liga.

Num total de 47 embates, ‘leões’ e ‘castores’ apenas se defrontaram para a Taça de Portugal numa ocasião, em 2010, precisamente na quarta eliminatória e igualmente em Alvalade. Os ‘verdes e brancos’ venceram por 1-0 e seguiram para os oitavos de final.

Já o Benfica, finalista da última edição, também vai jogar em casa e terá como adversário a equipa que sairá do duelo entre Vilafranquense, da II Liga, e Sanjoanense, do Campeonato de Portugal, que em 09 de dezembro vão disputar um dos encontros em atraso da terceira ronda da prova.

Além do FC Porto-Tondela e do Sporting-Paços de Ferreira, o sorteio ditou outros dois embates entre equipas da I Liga, com o Rio Ave a receber o Famalicão e o Vitória SC a defrontar em casa o Santa Clara.

Por seu lado, o SC Braga vai visitar o Olímpico do Montijo, um dos sete conjuntos do Campeonato de Portugal presentes nesta quarta eliminatória, enquanto Académico de Viseu e Académica protagonizam o único embate entre formações da II Liga.

Quando aos restantes clubes do Minho, a AD Fafe joga contra o Fontaínhas, o Gil Vicente vai a Leiria e o Moreirense vai à Cova da Piedade.

As partidas da quarta eliminatória da Taça de Portugal estão agendadas para o fim de semana de 12 e 13 de dezembro.

Programa da quarta eliminatória da Taça de Portugal de futebol, após o sorteio realizado hoje e cujos jogos se disputam no fim de semana de 12 e 13 de dezembro:

Vencedor do jogo Estoril-Praia (II) – Lusitano (CP) – Boavista (I)

Fontinhas (CP) – Fafe (CP)

Sporting (I) – Paços de Ferreira (I)

Olímpico do Montijo (CP) – SC Braga (I)

Nacional (I) – Leixões (II)

Benfica (I) – Vencedor do jogo Vilafranquense (II) – Sanjoanense (CP)

Belenenses SAD (I) – Sporting de Espinho (CP)

Anadia (CP) – Vencedor do jogo Estrela da Amadora (CP) – Farense (I)

Rio Ave (I) – Famalicão (I)

União de Leiria (CP) – Gil Vicente (I)

FC Porto (I) – Tondela (I)

Marítimo (I) – Salgueiros (CP)

Vitória SC (I) – Santa Clara (I)

Académico de Viseu (II) – Académica (II)

Torreense (CP) – Amora (CP)

Cova da Piedade (II) – Moreirense (I)

Continuar a ler

Futebol

Treinador do Famalicão quer dar sequência às vitórias frente ao Paços de Ferreira

João Pedro Sousa

em

Foto: DR

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, pretende que a sua equipa dê sequência aos últimos dois triunfos, na partida de sexta-feira frente ao Paços de Ferreira, da oitava jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Pela primeira vez esta época, a formação minhota conseguiu duas vitórias consecutivas, para o campeonato frente ao Marítimo e para a Taça com o Oriental de Lisboa, algo que o técnico da equipa considerou “ser importante”.

“É importante vencer consecutivamente, mas também é importante as semanas de treino que tivemos. Trabalhámos este jogo sobre uma vitória, que foi bom, mas o processo continua. Acontecesse o que acontecesse, esse processo é contínuo e temos de continuar a melhorar o que está bem e retificar o que está mal”, disse João Pedro Sousa.

Sobre o adversário pacense e o duelo desta sexta-feira, o treinador do Famalicão antecipou “um jogo extremamente difícil, perante uma equipa competitiva, muito organizada e com um excelente treinador”.

“É das equipas de que mais gosto no nosso campeonato. Está sempre equilibrada. Nós tentamos desorganizar os adversários para chegar ao golo e às vitórias, mas sabemos que frente Paços vai ser difícil de o fazer. Espera-nos um jogo complicado, mas onde temos o objetivo de conquistar os três pontos”, afirmou o técnico dos minhotos.

João Pedro Sousa mostrou-se “contente” com a resposta dada por alguns dos jogadores menos utilizados na partida da Taça de Portugal, frente ao Oriental de Lisboa, e desvalorizou o facto de os cinco pontas de lança do plantel [Dyego Sousa, Marcello Trotta, Campana, Rúben Del Campo e o ainda lesionado Anderson] terem, no total, apenas um golo apontado esta época.

“Não é uma preocupação. O importante é a equipa conseguir marcar, até porque o papel do ponta lança não é só finalizar. Desde que façam o trabalho planeado na semana, fico contente com isso”, vincou João Pedro Sousa

Desse lote de pontas de lança, o equatoriano Campana, que regressou dos trabalhos da seleção do seu país como uma lesão muscular, junta-se a Anderson no lote de indisponíveis para a deslocação a Paços de Ferreira, onde também o defesa Calvin, igualmente lesionado, fica de fora.

O Famalicão, nono classificado com nove pontos, defronta esta sexta-feira o Paços de Ferreira, 10.º com oito, numa partida agendada para as 19:00, no Estádio Capital do Móvel, com arbitragem de João Bento, da Associação de Futebol de Santarém.

Continuar a ler

Futebol

Morreu Diego Armando Maradona, um dos maiores astros do futebol

em

Morreu o antigo futebolista argentino Diego Maradona, aos 60 anos. A informação é avançada pelo jornal argentino “Clarín”.

O jogador terá sido alvo de uma cirurgia ao cérebro no início deste mês e acabou por falecer enquanto recuperava em casa, na localidade de Tigre.

A informação já foi confirmada pelo seu agente e amigo Marias Morla, segundo a agência espanhola EFE.

(em atualização)

Continuar a ler

Populares