Seguir o O MINHO

Braga

Priscos. Marcelo Rebelo de Sousa em Braga na abertura do maior presépio ao vivo da Europa

em

Foto: DR/Arquivo

Braga vai receber, entre os dias 18 de dezembro e 22 de janeiro, o maior presépio da Europa. O Presépio Ao Vivo de Priscos, que foi feito pela primeira vez em 2006, terá este ano cerca de 800 participantes, um espaço com cerca de 30 mil m2 e mais de 90 cenários, com referência às culturas egípcia, judaica, romana, assíria, grega e babilónica são os ingredientes para uma “viagem ao tempo de Jesus”.

Presépio de Priscos. Foto: DR

Para este ano, o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai marcar presença na cerimónia de inauguração. Ricardo Rio, presidente da Câmara, confirmou.

“O Presépio Vivo de Priscos já ganhou a projeção de ser um evento de cariz nacional e é também considerado o segundo maior do mundo. Este ano, o Presépio vai ter um momento muito especial na inauguração marcada onde estará presente o presidente da República. Por isso, ficamos satisfeitos por esse reconhecimento do mais alto dignatário da nação, porque é também testemunho de que este evento rompeu as nossas fronteiras e é hoje uma referência a nível nacional e internacional”, disse Ricardo Rio.

Os visitantes podem usufruir de uma vasta oferta gastronómica, disponível nas várias casas das “aldeias dos judeus e dos romanos” Podem saborear o “pão de César”, o “hidromel”, a “posca”, castanhas assadas, água-pé, café no pote, doces dos judeus, pão romano, ginja, doces de Roma e o famoso pudim “Abade de Priscos”.

O Presépio ao Vivo de Priscos oferece aos visitantes 4 grandes espetáculos: “O Casamento Judaico”; “Cortejo da Luz”; “O Julgamento” e “O Funeral”. Uma das maiores atrações deste evento natalício será também a possibilidade de contactar com animais reais.

A verdadeira estrela deste presépio é a Gruta, com mais de 10 metros de largura e com as figuras bíblicas de Maria, José, o menino Jesus, a vaca e o burro.

Programação
16 DEZ – Inauguração pelas 10:30
17 DEZ – das 15:00 às 18:30
23 DEZ – das 10:00 às 19:00
25 DEZ – das 16:00 às 19:00
28 DEZ – das 15:00 às 17:00
30 DEZ – das 20:00 às 23:00
01 JAN – das 16:00 às 19:00
06 JAN – das 20:00 às 23:00
07 JAN – das 15:00 às 18:30
13 JAN – das 20:00 às 23:00
14 JAN – das 15:00 às 18:30
20 JAN – das 20:00 às 23:00
21 JAN – das 15:00 às 18:30

Anúncio

Braga

Passes nos transportes urbanos de Braga 30% mais baratos a partir de março

Transportes públicos

em

Foto: Divulgação

O preço dos passes nos Transportes Urbanos de Braga (TUB) vai descer 30 por cento a partir do início de março, beneficiando mais de 20 mil utilizadores, anunciou hoje o administrador daquela empresa municipal.

Segundo Teotónio Santos, o passe mais caro, que até aqui era de 42,5 euros, passará a ser de cerca de 30 euros.

Aquele passe permite viajar em toda a linha, sem limite de utilizações.

A partir de 21 de fevereiro, já podem ser comprados os passes para março, com o desconto de 30 por cento.

A descida do preço dos passes vai acontecer ao abrigo do Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART), lançado pelo Governo para melhorar a atratividade do transporte público e incentivar a procura.

“Vão ser abrangidos mais de 20 mil utilizadores”, disse Teotónio Santos.

O administrador falava no final da reunião da Câmara de Braga, em que o executivo aprovou concessionar, por 10 anos, o serviço público de transporte de passageiros à empresa municipal TUB.

Até 2029, o município vai transferir para a empresa um total de 60,3 milhões de euros.

O vereador da CDU, Carlos Almeida, alertou para o “subfinanciamento” dos TUB (Transportes Urbanos de Braga), defendendo que a comparticipação financeira atribuída pelo município aos TUB deveria ser reforçada em pelo menos 38 milhões de euros.

“Os investimentos previstos ficam aquém das necessidades”, referiu Carlos Almeida, alertando, designadamente, para a subida da “idade média” da frota.

De resto, o vereador comunista manifestou “concordância absoluta” com a entrega do serviço aos TUB.

O vereador do PS, Artur Feio, sublinhou a necessidade de haver “mais coordenação” entre a mobilidade urbana e a política urbanística da cidade.

O presidente da Câmara, Ricardo Rio, eleito pela coligação PSD/CDS/PPM, admitiu que “seriam bem úteis mais meios financeiros” para os TUB, mas lembrou que “o orçamento não se estica indefinidamente”.

“Não é falta de vontade”, referiu, lembrando que a Câmara já decidiu atribuir aos TUB a receita do estacionamento.

Os TUB têm em curso um processo de renovação da frota, que já passou pela aquisição de seis novos autocarros em 2018 e que incluirá mais 32, num investimento de 13 milhões de euros.

Na reunião de hoje, o executivo aprovou ainda a transferência da gestão do “gnration” da Fundação Bracara Augusta para a empresa municipal Theatro Circo.

“Vai permitir partilhar sinergias, partilhar equipas e recursos, pôr em prática projetos conjuntos”, disse a administradora executiva do Theatro Circo.

Cláudia Leite acrescentou que todos os trabalhadores da área cultural do gnration serão integrados no Theatro Circo, enquanto os da área social e da juventude continuarão na Fundação.

Continuar a ler

Braga

Empresa de Braga apresenta ‘app’ que deteta precocemente úlceras de pressão

Medical pre-Diagnostic System

em

Foto: Divulgação

A MpDS – Medical pre-Diagnostic System, aplicação tecnológica desenvolvida em Braga, vai ajudar profissionais de saúde em todo o mundo a detetar e tratar de forma precoce problemas clínicos, como úlceras de pressão, anunciou fonte da empresa F3M, em comunicado enviado a O MINHO.

A app junta smartphones com lentes de magnificação e permite aos profissionais realizar, em tempo real, a monitorização, caracterização e avaliação de feridas. Um procedimento simples, que “pode ser realizado por médicos ou outros técnicos de saúde, capaz de tornar o diagnóstico mais rápido, evitando a necessidade de deslocações e consultas presenciais, que frequentemente atrasam os processos”, explica a empresa.

A aplicação é “particularmente benéfica para populações mais afastadas dos centros urbanos e com reduzido acesso aos serviços”, acrescenta. indicando que a mesma já foi testada com “resultados muito positivos por mais de 100 profissionais do setor da saúde”.

A solução demonstra “um enorme potencial de utilização” em diversas áreas, nomeadamente em Dermatologia, Oncologia, Cirurgia Plástica, Hematologia e Infeciologia.

Este lançamento vai ser o mote para uma sessão de esclarecimento, que acontece esta quarta- feira, 19 de fevereiro, a partir das 09:30, na UPTEC – Parque da Ciência e da Tecnologia da Universidade do Porto.

Do painel de oradores, destaque para Paulo Ramos, enfermeiro especialista em feridas e viabilidade tecidular, Maria José Teles, médica especialista em patologia clínica, Maria Vasconcelos e Luís Rosado, investigadores séniores na Fraunhofer Portugal AICOS, Pedro Salgado, responsável pela área da saúde na F3M e João Cunha, designer da aplicação.

Sobre a F3M

Composto por três empresas portuguesas – F3M, Megalentejo e Dot Pro – além da F3M Angola e da F3M Moçambique, a F3M é um dos maiores grupos de tecnologia, em Portugal. A sua atuação centra-se no desenvolvimento de software à medida para mercados específicos (economia social, óticas, têxtil, construção e desporto) e na integração de soluções de infraestrutura tecnológica, telecomunicações, além de serviços de consultoria.

 

Notícia atualizada às 9h55 (18/02).

Continuar a ler

Braga

Detido com matrícula falsa e sem seguro no centro de Braga

Na Praça da República

em

Foto: O MINHO (Arquivo)

Um jovem de 24 anos foi detido, na tarde da passada sexta-feira, no centro da cidade de Braga, por conduzir uma viatura com matrículas falsas, anunciou hoje a PSP.

O condutor foi intercetado em pleno centro da cidade, na Praça da República, na posse de um veículo onde ambas as matrículas eram falsas.

Durante a operação de fiscalização, os agentes policiais perceberam ainda que a viatura não tinha seguro válido para circulação viária.

O detido foi notificado para comparecer no Tribunal Judicial da Comarca de Braga.

Continuar a ler

Populares