Seguir o O MINHO

Braga

Braga: “Esta cidade não é para crianças?”

em

A cabeça de lista do Bloco  à Câmara de Braga entregou, esta terça-feira, aos jornalistas um pequeno dossier com fotografias que ilustram o estado em que se encontram alguns parques infantis, destacando o abandono em que diz que se encontra o parque das Camélias, e os problemas de segurança e de manutenção que afirma serem visíveis nos parque da Quinta da Capela, da Ponte, da Avenida Central e até do Campo da Vinha, acabado de ser intervencionado, “mas onde, tal como nos noutros, se mantêm as arestas pontiagudas, os desníveis desprotegidos, o gradeamento perigoso, acessos difíceis para carrinhos e pessoas com mobilidade reduzida, equipamentos obsoletos, falta de informação, bebedouros desadequados a algumas faixas etárias”.

“Em vez de uns dias de folia, a melhor prenda da CMB era cuidar dos parques Infantis”, refere o Bloco de Esquerda.

Paula Nogueira afirmou que Braga já não é a cidade mais jovem do país, o que diz dever-se às políticas poucos amigas das famílias e das crianças. A candidata bloquista diz ser necessário inverter essa situação, com uma revolução nas políticas de mobilidade, que melhorem a segurança e autonomia, mas também com a criação de mais espaços verdes onde as crianças possam esfolar os joelhos, referiu, citando o professor Carlos  Neto, que tem denunciado a vida sedentária das nossas crianças e a falta de habilidades motoras mínimas.

A candidata do Bloco de Esquerda acusou também Ricardo Rio de ter deixado a cidade sem um parque urbano ao ter doado os terrenos a ele destinados à Academia do Sporting de Braga, e quer saber qual é a alternativa que a coligação de direita vai apresentar pois ainda nada disse sobre o assunto.

A cabeça de lista do BE saudou o facto de Braga estar a preparar a sua candidatura a Cidade Amiga das Crianças, uma proposta, também levada por si à Assembleia Municipal, mas lamentou que a preparação da candidatura esteja encerrada nos gabinetes em vez de estar na rua, nas escolas e de envolver as crianças.

EM FOCO

Populares