Seguir o O MINHO

Braga

Braga e Bissau vão ser “cidades irmãs”

em

Cidade de Braga e Bissau vão assinar protocolo de geminação

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, reuniu hoje, dia 11 de Março, com o presidente da Câmara Municipal de Bissau, Adriano Gomes Ferreira.

Durante o encontro foi acordada a assinatura de um protocolo de geminação entre Braga e Bissau, capital da República da Guiné-Bissau. Segundo Ricardo Rio, as duas cidades têm vários pontos em comum e os munícipes podem beneficiar de um acordo estável e duradouro que permita desenvolver relações económicas e partilha de conhecimento entre os territórios.

Presidente da Camara de Braga e de Bissau

“Este é mais um passo na afirmação internacional e de cooperação institucional que o Município de Braga tem vindo a realizar, com consequências muito positivas a nível político, económico, social e cultural. São já muitas as empresas de Braga com relações económicas com Bissau, especialmente nas áreas da construção civil e turismo, e esperamos que as oportunidades de investimento venham a aumentar no futuro”, realçou, sublinhando ainda que Braga recebe vários alunos de Bissau que vêm adquirir formação superior.

Por outro lado, sublinhou o edil, Braga está totalmente disponível para contribuir para o desenvolvimento de Bissau nas vertentes onde é mais pertinente a replicação de boas práticas.

“Queremos contribuir com o nosso ´know-how´ para desenvolver a rede de transportes públicos e de saneamento de Bissau, assim como para modernizar a administração pública, vectores considerados fundamentais pelos responsáveis de Bissau”, referiu.

Já Adriano Gomes Ferreira garantiu que esta é uma excelente oportunidade para intensificar os contactos entre as cidades, alinhavando os detalhes da geminação.

Geminacao Braga e Bissau

“Temos a obrigação de identificar os pontos de contacto para conseguirmos uma parceria que seja do interesse dos munícipes de Bissau e Braga. O objectivo é que, com a geminação, se dê corpo a uma cooperação mais robusta e duradoura”, adiantou.

O presidente da Câmara Municipal de Bissau abordou ainda a importância da comunidade de estudantes da Guiné-Bissau que estão sediados em Braga em terem um interlocutor para exporem os seus problemas e ambições.

“A necessidade de desenvolvimento da Guiné-Bissau faz com que seja fundamental o aumento do número de estudantes que vêm adquirir conhecimento nas Universidades de Braga. Queremos que o façam com todas as condições e com o apoio das entidades locais”, disse.

logo Facebook Fique a par das Notícias de Braga. Siga O MINHO no Facebook. Clique aqui

Populares