Redes Sociais

Braga cria prémio para “referenciar bons exemplos” de reabilitação urbana na cidade

Centro histórico de Braga. DR

Braga

Braga cria prémio para “referenciar bons exemplos” de reabilitação urbana na cidade

A Câmara de Braga instituiu um prémio para a área da reabilitação urbana com o objetivo de “sensibilizar, premiar e referenciar” os “bons exemplos” de restauro e obras novas, mas também de investigação académica.

Apresentado esta tarde em conferência de imprensa, o ‘Reabilita Braga’ vai premiar trabalhos em três categorias: edificado restaurado ou reabilitado (dez mil euros), novo edificado (cinco mil euros) e investigação na área da reabilitação urbana (cinco mil euros).

Foto: Sérgio Freitas/CM Braga

Com uma periodicidade bianual, o ‘Reabilita Braga’ vai avaliar as obras a concurso em critérios como respeito pelo património, integração urbanística e paisagística, impacto económico e social e qualidade e adequabilidade do projeto.

“Braga vive um período auspicioso do ponto de visita da reabilitação urbana e a instituição deste prémio é a concretização de um compromisso eleitoral”, apontou o presidente da autarquia bracarense, Ricardo Rio.

Segundo o vereador do Urbanismo, Miguel Bandeira, o ‘Reabilita Braga’ visa “sensibilizar, premiar e referenciar aquilo que são os bons exemplos e as boas práticas na reabilitação urbana”.

O galardão visa assim “distinguir arquitetos, engenheiros, historiadores ou outros profissionais que se dedicam à realimentação urbana ou ao estudo desta”.

As inscrições para a pré-candidatura ao ‘Reabilita Braga’ começam a 08 de fevereiro, durando até 16 de março, sendo que a 13 de abril termina o prazo para apresentação final dos dossiês de projeto.

O regulamento do concurso “está ainda a ser finalizado”, explicou Miguel Bandeira, sendo que será depois disponibilizado na respetiva página da Internet.

Jornal digital da região do Minho.

Mais Braga