Seguir o O MINHO

Braga

Braga com acolhimento extraordinário a sem-abrigo devido ao frio

Plano de Contingência ativado.

em

Foto: DR

O Município de Braga ativou hoje o Plano de Contingência para os “sem abrigo” devido às previsões de tempo frio, anunciou a autarquia numa nota informativa enviada às redações, onde é explicada, entre outras, a forma como poderá ser feita sinalização e encaminhamento de situações.

Informação Municipal

No seguimento da informação prestada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), que prevê para os próximos dias valores de temperatura mínima de 0ºC, com especial incidência nos dias 5 e 6 (Sábado e Domingo), com valores na ordem dos -2 e -1ºC respectivamente, o Município de Braga activou o Plano de Contingência para os “sem-abrigo” até às 09h00 de Segunda-feira, dia 7 de Janeiro, com reavaliação às 18h00 de Domingo, dia 6, onde será feita a actualização da previsão meteorológica e decidido o eventual prolongamento.

Esta é uma situação que se verifica sempre que ocorrem temperaturas iguais ou inferiores a 0ºC durante dois ou mais dias consecutivos. O Centro de Alojamento Temporário (CAE) funciona entre as 21h00 e as 09h00, e no terreno estão, como habitualmente, as Equipas de Rua da Cruz Vermelha Portuguesa. A implementação e manutenção do CAE é assegurada pelo Município de Braga, enquanto a sua execução e gestão é assegurada pela Delegação de Braga da Cruz Vermelha Portuguesa.

Agasalhe-se. O frio veio para ficar

Recorde-se que em Braga, existe em permanência um trabalho junto da população “sem-abrigo”, quer por parte da Câmara Municipal de Braga, quer das instituições que com ela se articulam, nomeadamente a Delegação de Braga da Cruz Vermelha Portuguesa, no sentido de promover a motivação destes Cidadãos para a construção de um projecto de vida.

A sinalização e encaminhamento de situações poderá ser feita através de contacto telefónico (253 264 077) ou presencialmente na Divisão de Protecção Civil da Câmara Municipal, na rua do Farto, ou na Cruz Vermelha Portuguesa, através do número 253 687 520 ou 910 304 608.

Populares