Braga: Cidade escolhida como campo de ensaio para projetos académicos

Braga foi a Cidade escolhida por cerca de 30 alunos finalistas da Escola de Arquitetura da Universidade da Corunha, na Galiza, como campo de ensaio para os seus projetos académicos. Este grupo de estudantes esteve esta quinta-feira no concelho, para conhecer melhor o território sobre o qual irão trabalhar durante o presente ano letivo.

Estes finalistas de arquitetura selecionaram a Área de Reabilitação Urbana (ARU) Norte, que corresponde à zona do Estádio Municipal e às freguesias de Dume e Real, para a realização de diversos ensaios/projetos nas áreas do desenho urbano, do ordenamento do território e até de equipamentos.

A comitiva foi esta manhã recebida, no GNRation, por Miguel Bandeira, vereador do Planeamento, Ordenamento e Urbanismo. Neste encontro, o vereador fez uma breve apresentação do território em termos demográficos e do edificado, assim como a contextualização das políticas urbanas locais.

O Plano Director Municipal (PDM), que aguarda a tramitação em Diário da República, o Plano Estratégico para o Desenvolvimento Económico 2014-2026 da InvestBraga, assim como o Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) foram os instrumentos apresentados aos estudantes.

Miguel Bandeira explicou aos estudantes as políticas que o Município tem desenvolvido em termos de desenvolvimento de instrumentos de planeamento.

“O facto destes estudantes finalistas terem escolhido Braga para a realização deste trabalho é demonstrativo do interesse declarado que existe pelo que se está a passar no concelho em termos de planeamento e urbanismo”, referiu, acrescentando que esta é uma ação que reflete o esforço que o Executivo Municipal tem feito de aproximação às Universidades e ao Conhecimento, para além de constituir um “importante veículo de projeção e promoção da Cidade em termos internacionais, neste caso em particular, no contexto ibérico”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Braga: Grupo de cidadãos quer 'acalmar' o trânsito com bicicletas

Próximo Artigo

Braga: Festival para Gente Sentada promete colocar o público em pé

Artigos Relacionados
x