Bombeiro de Trás-os-Montes morre a combater na guerra da Ucrânia

João Chaves integrou legião militar voluntariamente
Foto: DR

O bombeiro João Luís Chaves, natural de Macedo de Cavaleiros, distrito de Bragança, morreu hoje enquanto combatia na guerra da Ucrânia.

De acordo com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Macedo de Cavaleiros, o homem, que se juntou à corporação em 2003, passou a integrar voluntariamente a Legião Estrangeira Militar Francesa de Defesa Territorial da Ucrânia após a invasão russa.

“Durante toda a sua vida, quer como bombeiro quer como militar, o João defendeu sempre as pessoas, dedicando-se à proteção do bem mais precioso de todos: a vida humana. Foi nesta missão que hoje tragicamente perdeu a sua”, refere a corporação, numa nota de pesar publicada nas redes sociais.

Os bombeiros transmontanos endereçam aos familiares e amigos “as mais sinceras e sentidas condolências neste momento de profunda dor e tristeza”.

A ofensiva militar da Federação Russa em território ucraniano iniciou em 24 de fevereiro de 2022.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Seleção na máxima força para defrontar França

Próximo Artigo

Apanhados com cocaína, heroína e canábis em Barcelos

Artigos Relacionados
x