Seguir o O MINHO

I Liga

I Liga: SC Braga e Benfica aproximam-se do FC Porto e campeonato está ao rubro

FC Porto (51), Benfica (50) e SC Braga (49) estão separados por dois pontos

em

Foto: Facebook de SC Braga

O SC Braga e o Benfica, com uma histórica goleada de 10-0, ganharam este domingo os seus jogos da 21.ª jornada da I Liga de futebol, não desperdiçando a ocasião de se aproximarem do líder FC Porto.

Depois do empate do campeão em Moreira de Cónegos (1-1), na sexta-feira, confirmou-se o relançamento do campeonato, com os 10-0 do Benfica ao Nacional e o 2-1 do SC Braga ao Chaves, a deixar o trio quase junto: o FC Porto tem 51, o Benfica 50 e o SC Braga 49.

Festa nas bancadas, reviravolta no campo e o SC Braga já só está a dois pontos do FC Porto

Mais distante, o Sporting consolidou o quarto lugar: ganhou por 3-1 ao Feirense e volta a ter sete vantagem sobre o Moreirense.

Na Luz, toda a gente esperava a vitória do Benfica, mas ninguém certamente esperava que o resultado chegasse aos dois dígitos, o que já não acontecia há 55 anos. O grau de moralização dos ‘encarnados’ é grande, uma semana depois da excelente vitória por 4-2 em casa do rival Sporting.

Benfica ganha 10-0

Não podia começar melhor o jogo para os os pupilos de Bruno Lage, já que chegaram ao golo, por Alex Grimaldo, aos 33 segundos da partida. Até ao intervalo, também houve tempo para Seferovic bisar, ele que assistira no primeiro.

Na segunda parte, o descalabro madeirense prosseguiu e houve tempo para golos de João Félix, Pizzi (grande penalidade), Ferro, Rúben Dias, Rafa e Jonas, que ‘bisou’ no seu regresso à equipa, após mais de um mês de ausência.

Sem a mesma ‘nota’ artística, mas com um bela reviravolta no resultado, o SC Braga ‘teima’ em se manter na corrida pelo campeonato, tanto mais que ainda vai receber FC Porto e Benfica.

Ontem, foi o Chaves que colocou pressão nos ‘arsenalistas’, com o golo de Luís Martins, aos 51. Responderam os minhotos com os tentos de Dyego Sousa, aos 64, continua isolado na lista dos melhores marcadores, agora com 14 golos, e Claudemir, aos 80.

17 mil viram SC Braga vencer ‘na raça’: “Parabéns aos nossos adeptos, para nós é fantástico”

Os bracarenses já não perdem desde o 6-2 na Luz, em finais de dezembro, e nas últimas sete jornadas contabilizam seis vitórias e um empate.

A jogar no terreno do lanterna-vermelha Feirense, o Sporting fez o que se lhe exigia e sai da Feira com os três pontos. O resultado final foi de 3-1, com os golos dos ‘leões’ creditados a Briseño (autogolo) e Bruno Fernandes, este por duas vezes, e o tento ‘fogaceiro’ a Petkov.

No outro jogo do dia, o Boavista deu uma ‘sapatada’ bem sucedida para sair da zona de despromoção, ao vencer no Bessa o Santa Clara, por 1-0, com golo de Rafael Costa, de grande penalidade.

O Boavista salta de 16.º para 12.º e faz cair para a zona de descida o Nacional.

Tirando o Feirense, que já é claro último, com 14 pontos, os outros lugares no fim da tabela estão ainda longe de estar definidos, com três pontos a separar Vitória de Setúbal, o 13.º, e Chaves, o penúltimo, com 18 pontos.

A 21.ª jornada ainda se prolonga até segunda-feira, fechando em Setúbal, com a receção do Vitória ao Belenenses.

Anúncio

Futebol

Famalicão contrata avançado ex-Atlético de Madrid

Mercado de inverno

em

Foto: Twitter

O Famalicão, terceiro classificado da I Liga portuguesa de futebol, anunciou hoje a contratação de Ruben del Campo, avançado ex-Atlético de Madrid, com um vínculo válido até 2024.

Nascido na Suíça, mas naturalizado espanhol, o atacante, de 19 anos, formou-se no Young Boys e no Atlético de Madrid, por quem disputou a Youth League, e é também internacional pelas seleções jovens da Suíça.

“Fiquei muito satisfeito com o desafio lançado pelo Famalicão. É um clube que está em plano de destaque na Liga Portuguesa e que tem conseguido potenciar muitos jogadores jovens”, disse Del Campo, em declarações reproduzidas pelo canal oficial dos famalicenses.

Continuar a ler

Futebol

Paços “paciente e com grande mobilidade” frente ao Gil Vicente

A partir das 15:00 de domingo

em

Foto: Divulgação

Pepa disse hoje que o Paços de Ferreira encara o Gil Vicente como uma oportunidade de fechar em beleza a primeira volta da I Liga de futebol, definindo “paciência” e “mobilidade” como chaves do jogo da 17.ª jornada.

Na conferência de antevisão do jogo de domingo, o técnico pacense colocou o foco da equipa no campeonato e na vitória frente ao Gil Vicente, acreditando que é possível fechar a primeira volta com 18 pontos.

“Temos aqui uma oportunidade de fecharmos a primeira volta com chave de ouro. A equipa está preparada e sabe o que vai encontrar pela frente: temos de ter bola e muita mobilidade, muita mesmo, paciência, e sermos fortíssimos, também, nos dois momentos de transição, sobretudo na transição defensiva. A grande chave para este jogo é sermos pacientes e termos mobilidade”, disse Pepa.

Para alcançar os três pontos, o técnico do Paços de Ferreira quer uma “equipa com caráter e muita personalidade”, sem revelar “desespero” ou “precipitações”.

“Queremos muito chegar aos 18 (pontos), com tranquilidade, com muita alegria nas pernas e na cabeça, para termos discernimento, para termos critério, para termos boas tomadas de decisão. Se isso acontecer, não tenho dúvidas, estamos mais próximos de ganhar o jogo, contra um adversário muito bem orientado e que está a fazer um campeonato até acima do que muitos pensavam”, sublinhou.

Pepa relativizou, por outro lado, o conhecimento que Vítor Oliveira, responsável pela subida do Paços na época passada, tenha da equipa e o seu contrário, sem deixar passar a oportunidade de elogiar o colega de profissão e o adversário.

“O foco é total no campeonato, naquilo que podemos fazer no adversário, que está a fazer um campeonato até agora, na primeira volta, fantástico em casa, sem derrotas, e a conseguir, também, boas exibições fora de casa. Até por isso, um trabalho – diria – excecional por parte do Vítor (Oliveira). Não é de agora, mas nunca é demais, também, enaltecer e reforçar aquilo que está a fazer no Gil Vicente”, afirmou.

Pepa foi ainda questionado sobre a contratação do defesa brasileiro Marcelo, que em Portugal já representou Rio Ave e Sporting, entre outros clubes, explicando que o central “estava identificado” pelo clube e que o seu ingresso insere-se na política de contratações seguida neste mercado de inverno.

“O Marcelo é um jogador que queríamos, estava identificado, é uma mais-valia e vem para ajudar. Tal como aconteceu com os restantes jogadores contratados, conhece o campeonato e vem acrescentar qualidade a todo o grupo”, concluiu.

Na classificação, o Paços ocupa o 15.º lugar, com 15 pontos, enquanto o Gil Vicente é oitavo, com 21.

As duas equipas defrontam-se na Capital do Móvel, a partir das 15:00 de domingo, num reencontro para a I Liga que já não acontecia desde a temporada 2014/15.

Continuar a ler

Futebol

Vitória procura manter-se na perseguição ao rival minhoto

17.ª jornada da I Liga

em

Foto: Twitter

O Vitória SC procura, este sábado, na receção ao Santa Clara, manter-se na perseguição ao Sporting de Braga, quinto classificado da I Liga portuguesa de futebol, em jogo da 17.ª jornada.

Na ronda que encerra a primeira volta do campeonato, o Vitória, sexto colocado da prova, com 22 pontos, recebe a formação açoriana, 13.ª com 17, a partir das 15:30.

Em caso de triunfo, os vimaranenses repõem a diferença de dois pontos para os rivais minhotos, agora com 27, depois de na sexta-feira terem batido o FC Porto, por 2-1, no Estádio do Dragão.

À mesma hora, a Vila das Aves será o palco do embate entre os dois últimos, Desportivo das Aves e Portimonense, equipas que não vencem há três e quatro jogos, respetivamente.

Em caso de triunfo, os algarvios, com 14 pontos, deixam, provisoriamente, a zona de despromoção, algo que os avenses, com apenas seis, não podem almejar.

Nos outros dois jogos do dia, o Tondela recebe o Moreirense, a partir das 18:00, enquanto o Belenenses SAD será anfitrião do Vitória de Setúbal, numa partida que marca a estreia de Petit no comando técnico dos lisboetas.

Na sexta-feira, o Benfica reforçou a liderança da I Liga, ao vencer por 2-0 o dérbi com o Sporting, tendo agora sete pontos de vantagem sobre o FC Porto, que perdeu na receção ao SC Braga, por 2-1.

Programa da 17.ª jornada:

– Sexta-feira, 17 janeiro:

FC Porto – SC Braga, 1-2.

Sporting – Benfica, 0-2.

– Sábado, 18 janeiro:

Desportivo das Aves – Portimonense, 15:30.

Vitória SC – Santa Clara, 15:30.

Tondela – Moreirense, 18:00.

Belenenses SAD – Vitória de Setúbal, 20:30.

– Domingo, 19 janeiro:

Paços de Ferreira – Gil Vicente, 15:00.

Famalicão – Marítimo, 17:30.

Rio Ave – Boavista, 20:00.

Continuar a ler

Populares