Seguir o O MINHO

Braga

Avança concurso para contratar assistentes operacionais em Braga

Emprego

em

Foto: Ilustrativa

O Município de Braga vai avançar com um novo concurso para a admissão de assistentes operacionais para as escolas do concelho, garantiu Ricardo Rio, presidente da Câmara, esta quinta-feira.

O edil não apontou o número de vagas disponíveis, mas realça que foram contratados 120 assistentes durante os últimos dois anos, o que dá uma média anual de 60 contratações.

“Dos cerca de 600 colaboradores nestas funções, 120 foram contratados nestes últimos dois anos e, atualmente, têm um vínculo permanente com a Câmara Municipal”. refere.

O edil explica que a bolsa de recrutamento anterior está a terminar o prazo legal, o que obriga a criar uma nova bolsa: “Por isso, vamos lançar brevemente um novo procedimento concursal para repor a capacidade de intervenção do Município nesta área tão importante na sociedade”.

O autarca explicou que o município tem recorrido à bolsa de recrutamento para fazer face às necessidades que vão surgindo, como reformas ou mudanças de carreira. “Quando o anterior concurso foi aberto, o objetivo era contratar 14 profissionais. À medida que foi sendo necessário, fomos substituindo de uma forma muito célere cada um dos recursos que iam saindo de forma a minorar os impactos dessas alterações e, entretanto, já foram contratados 120”, salientou Ricardo Rio.

Vereadora da Educação fala em “compromisso”

Lídia Dias, vereadora da Educação, realçou que para o início de mais um ano letivo, “umas das palavras de ordem é compromisso”, no sentido de se trabalhar diariamente com o objectivo de reunir sempre as melhores condições para que em Braga a Educação seja cada vez mais de excelência.

“Os agentes educativos são um dos principais motores de funcionamento dos estabelecimentos de ensino do concelho, orientando-se, diariamente, para o apoio a alunos, docentes e encarregados de educação, no desenvolvimento do projecto educativo dos seus Agrupamentos de Escolas”, referiu Lídia Dias, lembrando que a Autarquia tem acautelado a baixa de pessoal não docente “através de uma movimentação positiva de recursos humanos e os dados hoje apresentados são reveladores de uma estratégia que passa pela antecipação de problemas de forma a serem resolvidos de forma célere e eficaz”.

Com esta iniciativa, o Município proporcionou aos colaboradores dos estabelecimentos de ensino, momentos de partilha de experiências na multiplicidade de funções que assumem durante todo o ano lectivo. A sessão contou ainda com a participação do psicólogo clínico Paulo Coelho, que abordou o tema ‘Olhos que vigiam, mãos que aprumam: valorizar a multifuncionalidade dos Agentes Educativos’.

Anúncio

Braga

Mulher encontrada morta dentro de casa em Vila Verde

Óbito

em

Foto: DR / Arquivo

Uma mulher, com cerca de 75 anos, foi encontrada sem vida dentro da sua residência, esta noite de sexta-feira, no centro de Vila Verde.

O alerta foi dado por familiares e vizinhos, que não tinham notícias da idosa já há mais de uma semana.

Pelo que foi possível apurar, a mulher vivia sozinha, com os familiares a residirem no estrangeiro.

No local, estiveram os Bombeiros de Vila Verde.

O óbito foi declarado e o corpo transportado para o Instituto de Medicina Legal.

O alerta foi dado cerca das 21:45.

A GNR investiga.

Continuar a ler

Braga

Mulher e bebé escapam ilesos após despiste aparatoso em variante de Braga

Variante do Fôjo

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO

Uma viatura entrou em despiste, seguido de capotamento, ao final da tarde desta sexta-feira, na Variante do Fojo, em Braga, causando grande aparato.

No carro capotado seguia uma mulher e um bebé que não sofreram quaisquer ferimentos.

No local, na estrada que liga Braga a Póvoa de Lanhoso, estiveram meios do INEM, mas não houve necessidade de transporte hospitalar.

A GNR registou a ocorrência que condicionou o trânsito naquela via.

Continuar a ler

Braga

Detido suspeito de dezenas de assaltos à mão armada em Braga

Crime

em

Foto: O MINHO (Arquivo)

Um homem de 30 anos foi detido pela PSP de Braga na sequência de vários processos de investigação a assaltos ocorridos na cidade, entre 20 de julho e 24 de dezembro de 2019, foi hoje anunciado.

Em comunicado enviado a O MINHO, aquela polícia informa que a detenção ocorreu no Porto, onde o suspeito pernoitava “nos últimos tempos”.

A operação foi levada a cabo pela Esquadra de Investigação Criminal de Braga, na sequência das suspeitas que recaíam sobre o homem, pela prática de “vários crimes de roubo e furtos qualificados”, nomeadamente na rua, junto a multibancos, a minimercados, cabeleireiros e um hotel.

“Para a concretização dos mesmos, normalmente agia sozinho, mas por vezes, com a ajuda de outros suspeitos”, aponta a mesma nota.

O suspeito utilizava força física e, por vezes, uma arma branca, para abordar as vítimas na rua, nas imediações de caixas ATM e também no interior de estabelecimentos comerciais. Exigia que lhe dessem o dinheiro que possuíam, bem como também lhes subtraía os telemóveis.

“Esta Polícia, realizou reconhecimentos pessoais por parte das vítimas e testemunhas, ficando desde já indiciado pela prática de oito destes crimes”; acrescenta a PSP.

Explicam ainda que o mesmo foi intercetado no Porto depois de ter ali continuado a prática criminal, sendo identificado pela polícia local, pela prática de vários furtos, desde o início deste ano de 2020.

De referir, que o mesmo estava a cumprir pena pela prática de ilícitos criminais desta natureza. O detido vai ser presente no Tribunal Judicial de Guimarães.

Continuar a ler

Populares