Seguir o O MINHO

Cávado

Assoreamento do rio tem impedido acesso de pescadores ao mar em Esposende

Câmara pede “reuniões de urgência” com Governo

em

Foto: O MINHO / Arquivo

A Câmara de Esposende pediu “reuniões de urgência” com três membros do Governo para os sensibilizar para a necessidade do desassoreamento da foz do Cávado, anunciou hoje o município.


Em comunicado, a autarquia refere que foram pedidas reuniões aos ministros do Ambiente e do Mar, bem como ao secretário de Estado das Pescas.

A Câmara de Esposende adianta que o assoreamento da foz do rio Cávado tem impedido, no último mês, o acesso dos pescadores ao mar.

O mesmo comunicado acrescenta que o presidente da Câmara, Benjamim Pereira, tem intenção de avançar com uma proposta alegando o interesse regional da barra de Esposende e exigindo a rápida intervenção da tutela.

A proposta terá de ser aprovada na Assembleia Municipal e, posteriormente, apresentada na Assembleia Geral da Comunidade Intermunicipal (CIM) do Cávado e ao Conselho Regional do Norte.

“Estou, como sempre estive, ao lado da comunidade piscatória. É muito grave a situação que estão a viver, impedidos de exercer a sua profissão e, consequentemente, alimentarem as suas famílias”, sublinha Benjamim Pereira, citado no comunicado.

Por isso, o autarca alerta para a necessidade de se proceder ao “imediato” desassoreamento da foz do rio Cávado.

O município recorda que já estão em curso, pela mão da sociedade Polis Litoral Norte, as obras referentes à segunda fase da reabilitação do molhe norte da embocadura do rio Cávado.

Também decorrem obras no porto de mar.

Anúncio

Barcelos

Motociclista em estado grave após colisão em Barcelos

EN 306

em

Foto: O MINHO

Um motociclista sofreu ferimentos graves na sequência de uma colisão ao final da tarde deste sábado em Pereira, concelho de Barcelos, disse a O MINHO fonte do CDOS.

O homem, cuja idade não foi possível apurar, seguia na EN 306 quando terá colidido com outra viatura, ao que tudo indica um trator.

Para o local foi mobilizada uma ambulância dos Bombeiros de Barcelinhos que procederam à estabilização da vítima.

Foi transportada para o Hospital de Braga sendo considerado um “ferido grave”.

A GNR registou a ocorrência que cortou aquela via após as 18:55.

Continuar a ler

Cávado

Esposende: Clube de Bicicletas Antigas de Marinhas doa 3.500 euros ao Serginho

“Juntos pelo Serginho”

em

Foto: Facebook de "juntos pelo Serginho"

O Clube de Bicicletas Antigas de Marinhas, em Esposende, doou 3.500 euros para ajudar a família do Serginho, que conta com dificuldades financeiras depois da criança sofrer ferimentos graves na sequência de um atropelamento. Sérgio e os pais são sócios daquele clube desde 2017.

Foto: Facebook de “Juntos pelo Serginho”

Serginho, de 12 anos, foi atropelado no dia 06 de junho de 2019, em Palmeira de Faro, à porta de casa dos avós, ficando na altura em estado crítico.

Ao assinalar-se um ano do brutal acidente, o pequeno Sérgio está agora com uma incapacidade física de 95%, dependendo dos cuidados da mãe que deixou de trabalhar desde essa altura. Apenas o pai tem sustentado a família.

Onda solidária por menino que ficou 95% incapacitado ao ser atropelado em Esposende

Conta solidária para ajudar menino de Esposende já está ativa

Apesar de nunca terem pedido apoio público, Sara e Paulo, progenitores, aceitaram fazer parte de um grupo de ajuda organizado por amigos e familiares, com a intenção de os ajudar, de forma urgente.

Continuar a ler

Cávado

Albergue de S. Miguel, em Esposende, reabre aos peregrinos na quarta-feira

Em Marinhas

em

Foto: Divulgação / CM Esposende

O Albergue de S. Miguel, em Marinhas, vai reabrir no próximo dia 15 de julho, com imagem renovada e garantindo todas as condições de segurança aos peregrinos, em consonância com as diretivas emanadas pelas autoridades de saúde.

Aproveitando a circunstância do encerramento forçado, motivado pela pandemia da Covid-19, o Município de Esposende, através de meios e recursos humanos internos, executou uma intervenção de requalificação neste equipamento, com o intuito de garantir as necessárias condições para a reabertura, num investimento que rondou os 10.000 euros.

A intervenção traduziu-se num conjunto de reparações e manutenções, tanto no interior como no exterior do edifício, e na implementação de melhorias ao nível dos equipamentos. Foi efetuada também a reparação e pintura de todo o gradeamento exterior do edifício, a pintura exterior do Albergue e a lavagem das paredes e escadas em granito, conferindo, deste modo, um novo visual a este equipamento de alojamento de peregrinos dos Caminhos de Santiago, que vem registando uma procura crescente, ao longo dos anos.

Este aumento resulta, em grande parte, do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido, desde 2011, no âmbito do acordo de cooperação institucional, entre os municípios do Esposende, Porto, Maia, Matosinhos, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença, para a investigação, promoção e dinamização do Caminho Português da Costa para Santiago de Compostela.

As muitas ações de valorização e promoção do Caminho Português da Costa, levadas a efeito pelo Município, em articulação com a associação esposendense Via Veteris e com outros parceiros locais, têm constituído também um motor de crescimento e desenvolvimento da procura por este itinerário rumo a Santiago de Compostela.

Recorde-se que o Albergue de S. Miguel resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Esposende, a Junta de Freguesia da União das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra, a Delegação da Cruz Vermelha de Marinhas e a Associação Via Veteris. O espaço dispõe de dormitório, cozinha equipada, sala de refeições/convívio com espaço de lazer, balneários, sanitários, lavandaria e Internet.

Continuar a ler

Populares