Seguir o O MINHO

Alto Minho

Arcos de Valdevez: Município apoia processo de regularização de estabelecimentos de atividades pecuárias

em

A Câmara Municipal de Arcos Valdevez (CMAV), em articulação com a Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, a Associação de Criadores de Raça Cachena e a Cooperativa Valdelima, pretende apoiar a regularização das explorações pecuárias que se mostrem viáveis e se enquadrem no regime excecional de regularização das atividades pecuárias (Decreto – Lei nº 165/2014, de 5 de Novembro).


Neste sentido decorreu, no passado dia 2 de setembro, nas instalações do Município, uma reunião com os representantes das referidas Associações, com o objetivo de definirem o procedimento para apoiarem os produtores no processo de regularização das suas instalações pecuárias.

gado1

Assim, os responsáveis por estabelecimentos de atividades pecuárias, que se encontrem nessa situação, podem dirigir-se, caso o pretendam, a uma destas entidades, até ao dia 2 de outubro de 2015, para tratarem da regularização dos respetivos estabelecimentos.

“Seguindo esta política de proximidade, a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez e os parceiros pretendem contribuir para o desenvolvimento rural e assim promover a melhoria da qualidade de vida e rendimentos dos arcuenses”, refere comunicado da CMAV.

Anúncio

Alto Minho

Casos covid voltam a subir acentuadamente em Ponte de Lima e Viana

Covid-19

em

Foto: O MINHO (Arquivo)

Os concelhos de Viana do Castelo e de Ponte de Lima foram os que registaram maior subida no número de casos ativos de covid-19 nos últimos dois dias, de acordo com o boletim da Unidade de Saúde Local do Alto Minho (ULSAM), atualizado às 17:30 desta sexta-feira.

O concelho de Viana do Castelo regista um aumento de 67 casos ativos em relação a quarta-feira, data do último balanço da autoridade de Saúde. Hoje, o concelho tem 744 casos ativos , somando mais um óbito (26). Em termos acumulados, este concelho já registou 1.703 casos confirmados e 933 recuperados.

Ponte de Lima tem 461 casos ativos (mais 24), Valença 220 (menos três), Cerveira 44 (igual), Paredes de Coura 28 (igual), Monção 118 (mais onze), Caminha 161 (menos três), Arcos de Valdevez 169 (mais cinco), Melgaço 42 (mais um) e Ponte da Barca 85 (mais dez).

O Alto Minho tem, atualmente, 2.072 casos ativos de covid-19, mais 112 do que na quarta-feira. Soma, desde o início da pandemia, 5.019 casos, mais 187 nos últimos dois dias. Há a lamentar 106 óbitos, mais dois nos últimos dois dias, registados em Caminha e Viana do Castelo. Contam-se ainda 2.841 recuperados em todo o Alto Minho.

Continuar a ler

Alto Minho

Goucha dá oito casacos ao padre Ricardo para leiloar e ajudar os pobres de Valença

Gesto solidário do apresentador da TVI

em

Imagens TVI

O padre Ricardo Esteves, responsável pelas paróquias de Gandra, Taião, Sanfins, Boivão e Gondomil, em Valença, foi hoje um dos convidados do programa Você na TV, na TVI, apresentado por Manuel Luís Goucha.

Conhecido como ‘padre motard’ ou ‘padre sexy’, o sacerdote não saiu da estação de Queluz com as mãos a abanar. Recordando um pedido antigo do pároco, feito em junho deste ano, onde era pretendido o apoio do apresentador através da doação de um casaco para leilão, Goucha não ofereceu um mas sim oito casacos para ajudar os mais necessitados.

“Eu não quero que saia daqui apenas com este meu casaco e por isso. Joana [assistente] podes entrar com os outros sete casacos que vai levar, são oito ao todo”, disse Manuel Luís.

O leilão não será para promoção televisiva, assegurou o apresentador, mas deixou a sugestão que o leilão seja feito por entre as paróquias para ajudar quem mais precisa.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Viana: Plataforma digital do comércio tradicional lança campanha de Natal

Economia

em

Foto: DR

A Viana Market, plataforma de comércio digital onde estão reunidos os comerciantes de Viana do Castelo, lançou uma campanha promocional para este Natal, apelando a um consumo seguro, simples e rápido, através dos meios digitais, foi hoje divulgado.

Em comunicado, a Câmara de Viana do Castelo, uma das entidades promotoras daquela plataforma, explicou que a campanha de Natal “surge com o intuito de gerar mais tráfego para a Viana Market com a sensibilização para a compra no comércio tradicional e ainda promovendo a facilidade de aquisição destes produtos ‘online'”.

A plataforma foi desenvolvida no âmbito do projeto Comércio Digital de Viana do Castelo, iniciado pela Câmara Municipal com a Associação Empresarial de Viana do Castelo (AEVC) e a Associação da Economia Digital (ACEPI).

Continuar a ler

Populares