Apreendidos 150 quilos de meixão em Famalicão (valem mais de um milhão de euros)

Polícia Marítima identificou dois suspeitos

A Polícia Marítima apreendeu no domingo, na zona de Vila Nova de Famalicão, cerca de 150 quilos de meixão, com um valor comercial superior a um milhão de euros no mercado final, anunciou hoje aquela força.

Em comunicado, a Polícia Marítima refere que, durante uma ação de policiamento, foi detetada uma viatura suspeita de transportar meixão, cuja captura é proibida por se tratar de uma espécie protegida na Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies de Fauna e Flora Selvagens Ameaçadas de Extinção (CITES).

“A viatura suspeita dirigiu-se para um armazém na zona de Famalicão, tendo os elementos da Polícia Marítima constatado, à chegada ao local, que se tratava de um armazém utilizado para a preparação e respetivo tráfico internacional de espécies protegidas, nomeadamente meixão”, acrescenta.

Foto: Polícia Marítima
Foto: Polícia Marítima

No local, os elementos da Polícia Marítima, em colaboração com elementos do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), procederam ao desmantelamento do armazém e à apreensão de uma viatura e de cerca de 150 quilos de meixão, com um valor comercial superior a um milhão de euros no mercado final.

No decorrer desta ação, foram ainda detidos dois homens suspeitos da prática do crime de dano contra a natureza e que vão ser presentes a tribunal.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Idoso morre após agressões em Santo Tirso. Suspeito foi preso

Próximo Artigo

Pinto Moreira vai suspender mandato de deputado do PSD

Artigos Relacionados
x