Redes Sociais

Braga

Antigo Reitor da Universidade do Minho condecorado pelo Presidente da República

António M. Cunha.

 a

Foto: Divulgação/Presidência da República

O ex-reitor da Universidade do Minho, António M. Cunha, recebeu esta terça-feira a Grã-Cruz da Ordem da Instrução Pública das mãos de Marcelo Rebelo de Sousa, presidente da República.

Esta ordem destina-se a galardoar altos serviços prestados à causa da educação e do ensino. A cerimónia decorreu no Palácio de Belém, em Lisboa.

Nascido em 1961 em Braga, António M. Cunha licenciou-se em Engenharia de Produção na UMinho em 1984 e doutorou-se em Ciência e Engenharia de Polímeros em 1991. Foi presidente da Escola de Engenharia (2005-09), reitor da UMinho (2009-17) e presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (2014-17). Exerceu também funções como presidente do Padroado da Fundação CEER – Universidades Norte de Portugal/Galiza (2010-16) e do Instituto Internacional Casa de Mateus (2011-16).

Entre outras atividades, foi cofundador do PIEP – Inovação em Engenharia de Polímeros e seu administrador entre 2001 e 2009. É ainda membro da Academia de Engenharia, Insígnia de Ouro da Universidade de Santiago de Compostela e Cidadão Honorário e Medalha de Honra do Município de Guimarães. Recebeu a Medalha de Mérito Científico do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Braga

Criada frente antifascista em Braga

Publicado

 a

Foto: DR/Arquivo

Um grupo de associações criou, este domingo, em Braga, uma “Frente Unitária Antifascista”, que tem como objetivo “alcançar uma abrangência nacional”. Entre estes, encontram-se pessoas do Movimento de Alternativo Socialista (MAS) e de organizações como o SOS Racismo, a UMAR e o movimento Braga Para Todos, membros do Núcleo Antifascista do Porto e igualmente diversos outros que vieram a Braga a título individual.

Vasco Santos, candidato do (MAS) à Câmara de Barcelos, nas últimos eleições autárquicas, falou ao jornal i sobre a iniciativa.

“Em traços gerais criamos hoje [domingo] uma frente que pretende agregar a partir de agora o maior número possível de pessoas, de associações e partidos, que apoiem de facto a luta pela democracia, contra a xenofobia, o racismo e o machismo, lutando contra o ascenso da extrema-direita, porque representa tudo quanto de mau existe na sociedade, com cada vez mais gente nesta luta antifascista”, disse, em nome do grupo, acrescentando que “apesar de ter nascido aqui, em Braga, a ideia é esta onda crescer em Portugal e não só, até porque queremos agir de uma forma profilática e antes que em Portugal o fascismo tenha as dimensões que em outros países”.

A frente antifascista nasceu no espaço “TOCA – Trabalho de uma Oficina Cultural e Associativa”, onde o Núcleo Antifascista de Braga, vontade expressa pelas pessoas presentes na primeira reunião, onde debateu o fenómeno.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Póvoa de Lanhoso

Simulacro de acidente entre Braga e Póvoa de Lanhoso parecia cenário de filme americano

No acidente simulado existiam três vítimas em estado grave, tendo a caracterização das mesmas sido feita de forma muito realista, o que não deixava indiferente quem passava na estrada.

Publicado

 a

A GNR, os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso e a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso promoveram esta tarde de domingo um simulacro de uma colisão frontal entre dois automóveis, para intensificar a prevenção rodoviária, no Dia Mundial das Vítimas na Estrada.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

O trabalho partiu do Comando Territorial da GNR de Braga, através da sua Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento da Póvoa de Lanhoso, na Estrada Nacional 103, ao quilómetro 52, no concelho da Póvoa de Lanhoso.

Esta ação decorreu no âmbito do Dia Mundial das Vítimas na Estrada e a GNR fez ainda ações de sensibilização junto das centenas de condutores, em estreita colaboração com a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Segundo explicou a O MINHO o capitão Orlando Mendes, comandante do Destacamento Territorial da GNR da Póvoa de Lanhoso, “esta iniciativa visa principalmente sensibilizar as pessoas para perceberem o que poderá acontecer quando ocorrem acidentes de viação”.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

No acidente simulado existiam três vítimas em estado grave, tendo a caracterização das mesmas sido feita de forma muito realista, o que não deixava indiferente quem passava na estrada.

Acidentes nas estradas têm impacto económico e social negativo de 1,2% do PIB

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Motores

Diogo Correia campeão nacional de drift

Publicado

 a

O vilaverdense Diogo Correia, de Sande, sagrou-se este domingo campeão nacional da principal categoria de drift, a de Pro.

Foto: Joaquim Gomes / O MINHO

Na última jornada do Campeonato de Portugal de Drift, realizada no Centro de Estágios de Melgaço, Diogo Correia superou aquele que era o seu mais direto rival, Nélson Rocha (Anais, Ponte de Lima).

Paulo Nunes (Melgaço) e Hélder Neto (Santo Tirso) foram campeões, respetivamente, nas categorias de Semi Pro e de Iniciados, do primeiro campeonato inteiramente federado, com organização do Clube Automóvel do Minho (CAM), por incumbência da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK).

Entretanto, na quinta e última jornada este domingo em Pro os três primeiros classificados foram respetivamente, Diogo Correia (Sande, Vila Verde), Nélson Rocha (Anais, Ponte de Lima) e João Gonçalves (Pico de Regalados, Vila Verde), em Semi Pro, Bruno Filipe Costa (Maia), Fábio Cardoso (Melgaço) e Vítor Dias (Seixal), enquanto em Iniciados foi hoje vencedor o jovem João Vieira (Algarve), de 14 anos de idade.

O conteúdo Diogo Correia campeão nacional de drift aparece primeiro em Desporto – O MINHO.



Source link

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem O MINHO, jornal estritamente digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O MINHO é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Inspirados na filosofia seguida pelo jornal inglês "The Guardian", um dos mais importantes órgãos de comunicação do Mundo, também nós achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler O MINHO, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar O Minho - e só demora um minuto. Obrigado.

Continuar a ler

Populares