Seguir o O MINHO

Vila Verde

Alunos de escola em Vila Verde jogam jogo gigante sobre mobilidade sustentável

em

A Escola Básica de Sobral, em Vila Verde, recebeu esta quarta-feira o “Galpshare”, jogo gigante sobre sustentabilidade energética. Este é mais um instrumento dos projetos educativos da Galp para estimular, nas crianças e jovens, comportamentos de consumo de energia mais eficientes, como partilha do meio de transporte.

Por ter sido uma das três vencedoras do Desafio de Natal – no qual as escolas foram estimuladas a aproveitar as épocas festivas para desenvolverem atividades criativas associadas à eficiência energética – a Escola Básica de Sobral foi premiada com uma Visita Especial Missão UP.

O jogo ensina como se pode utilizar o carro de uma forma mais responsável, promovendo, por exemplo, a partilha do carro com outras pessoas que se deslocam para o mesmo sítio e minimizando, assim, a pegada ecológica. «

Este jogo foi concebido e desenvolvido no âmbito do Missão UP, o projeto educativo sobre eficiência energética mais antigo da Galp e que já envolveu, desde o primeiro ano de implementação (2010/2011), mais de 80% das escolas portuguesas. Destina-se aos alunos do 1º ciclo, professores, pais e encarregados de educação e tem como temas as fontes de energia, a mobilidade sustentável, a pegada energética e as profissões associadas à energia.

As escolas que aderiram à Missão UP receberam um “Selo Escola Aderente” e um “Guião de Atividades” com 11 temas relacionados com a eficiência energética e sugestões de atividades para cada tema, que poderão ser desenvolvidas ao longo de todo o ano letivo por “Brigadas de Alunos”, formadas pelas escolas, com o acompanhamento e orientação dos professores. As primeiras 500 escolas inscritas recebem visitas Missão UP, que consistem em miniaulas de energia, dadas por colaboradores da Galp que, de uma forma dinâmica e interativa, e com a projeção de filmes pedagógicos, abordam os quatro principais temas do projeto e respondem a dúvidas colocadas pelas crianças.

Anúncio

Braga

Sete utentes de lar em Vila Verde regressam depois de curados

Covid-19

em

Foto: Paulo Jorge Magalhães / O MINHO (Arquivo)

Os sete utentes do Lar do Trabalhador, em Vila Verde, transferidos para instalações da Cruz Vermelha por estarem infetados com o novo coronavírus, “estão hoje a regressar”, depois “dados como curados”, disse à Lusa fonte da Proteção da Civil.

A 18 de abril o Lar do Trabalhador em Vila Verde, foi evacuado, tendo sido 11 dos 12 utentes que lá habitavam deslocados para o Centro Comunitário da Cruz Vermelha, em Prado, sendo que cinco ainda “aguardam os resultados do último despiste” e estão a ser transportados para instalações da paróquia, segundo a mesma fonte.

Dos cinco utentes do lar que aguardam os resultados, quatro são mulheres e um é homem.

“O lar foi evacuado depois de 11 utentes terem acusado positivo para o novo coronavírus. Sete já testaram negativo e estão hoje a regressar ao lar. Cinco vão aguardar pelo resultado da contra análise em instalações da paróquia”, esclareceu a fonte.

Portugal contabiliza 1.144 mortos associados à covid-19 em 27.679 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia.

Relativamente ao dia anterior, há mais nove mortos (+0,8%) e mais 98 casos de infeção (+0,4%).

Das pessoas infetadas, 805 estão hospitalizadas, das quais 112 em unidades de cuidados intensivos, e o número de casos recuperados é de 2.549.

Continuar a ler

Braga

Idoso que tinha desaparecido em Vila Verde já foi encontrado

Desaparecimento

em

Foto: DR

Já foi encontrado e está bem o idoso de 80 anos que desapareceu ontem à noite, na avenida da Veiga, entre as freguesias de Oleiros e Lage, no concelho de Vila Verde, confirmou O MINHO junto de fonte da família.

Manuel Peixoto terá saído de casa ontem à noite e não voltou a aparecer, levando a que a família já reportasse o seu desaparecimento às autoridades.

O idoso sofre de alzheimer e diabetes, precisando urgentemente de tomar medicação, incluindo insulina.

Continuar a ler

Braga

Homem detido por roubar estátua da Senhora do Sameiro em Vila Verde

Crime

em

Foto: Divulgação / GNR

A GNR deteve um homem, de 49 anos, no sábado, pelo furto de uma estátua ilustrativa de Nossa Senhora do Sameiro, em Gomide, Vila Verde, anunciou hoje aquela força militar.

“No seguimento de uma denúncia, os militares deslocaram-se ao local e verificaram que havia sido furtada uma estátua de uma das alminhas da freguesia”, explica a GNR em comunicado, acrescentando que, “no seguimento de diligências policiais, foi possível apurar o autor do crime, tendo sido abordado na sua residência, na posse da estátua”.

O objeto foi recuperado e devolvido ao legítimo proprietário.

O detido foi constituído arguido e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Vila Verde.

Continuar a ler

Populares