Seguir o O MINHO

Alto Minho

Aluno de escola de Ponte de Lima testa positivo à covid-19

Pandemia

em

Foto: DR

Um aluno da Escola Básica António Feijó, em Ponte de Lima, testou positivo à covid-19, avança a Rádio Alto Minho.


O diretor daquele agrupamento, José António Silva, afirma, em declarações àquela rádio, que o caso foi comunicado pelos pais do ano aluno do 8º ano, na passada segunda-feira e, no dia seguinte, foram “afastados [da escola] alguns alunos que estiveram mais próximos e que o Delegado de Saúde entendeu”.

Segundo aquele responsável, a escola continua a funcionar “normalmente” e “não há motivos para alarme”.

“Estamos a aplicar o protocolo e falamos com a turma que está em aulas e não vemos necessidade de mais alunos irem para casa, mas decisão será do Delegado de Saúde”, aponta.

Ainda de acordo com a Rádio Alto Minho, a turma tem 26 alunos e nenhum professor ou funcionário foi para casa.

Anúncio

Alto Minho

Casos ativos ‘disparam’ em Viana, Valença, Monção e Ponte da Barca

Covid-19

em

Foto: DR

O Alto Minho tem, atualmente, 1.645 casos ativos de covid-19, mais 383 desde a passada sexta-feira, segundo dados recolhidos por O MINHO junto da Unidade Local de Saúde do Alto Minho, atualizados às 17:30 de hoje.

O distrito de Viana do Castelo soma, desde o início da pandemia, 4.086 casos, mais 755 desde o último balanço.

Há a lamentar 94 óbitos, mais seis.

Contam-se ainda 2.347 recuperados, mais 366.

A maior subida verificou-se em Viana do Castelo, com aumento de 170 casos ativos, contando o município com 493 casos ativos.

Segue-se Valença com mais 57 casos, contabilizando 201 ativos. Também Monção sofreu um aumento de 40 casos, registando agora 79 infeções ativas. Já Ponte da Barca aumentou em 21 o número de infeções, contabilizando 48 casos ativos.

Ponte de Lima aumentou em 34 casos ativos, contando o município com 408 casos ativos.

Arcos de Valdevez tem 115 casos ativos (+25), Melgaço 29 (+9) registaram subidas, Caminha 184 (+16) Cerveira 56 (+5) e Paredes de Coura 32 (+6).

Continuar a ler

Alto Minho

Antigo vice-presidente lança candidatura independente à Câmara de Ponte de Lima

Política

em

Foto: DR / Arquivo

Gaspar Martins, ex-vice-presidente do Município de Ponte de Lima, vai candidatar-se à presidência da Câmara através de um movimento independente. Com 20 anos de experiência autárquica, considera que o município “não está a seguir no bom caminho” e está confiante de que sairá vencedor nas autárquicas do próximo ano. O movimento intitulado VIRAMILHO não vai apresentar listas nas freguesias.

“O que se verifica neste último mandato é um crescente desconforto à forma como o município é gerido”, justifica Gaspar Martins, em declarações a O MINHO, o porquê de avançar com a candidatura independente, ele que foi vereador durante 20 anos, dos quais os 12 últimos vice-presidente. Concluiu o seu último mandato em 2017, sendo que, então, a vice-presidência foi ocupada pela sua filha Mecia Martins.

“As pessoas entendem que eu durante 20 anos contribuí muito para aquela estabilidade, entendem que eu tenho uma palavra a dizer. Eu próprio também entendo que o município não está a seguir no bom caminho e tenho por isso também uma obrigação de participar como cidadão”, sublinha o antigo número dois de Victor Mendes.

Gaspar Martins vai encabeçar a candidatura do VIRAMILHO – Valorizar a Idoneidade, o Respeito e a Autoridade, através do Movimento Independente de Limianos Historicamente Ousados. O seu número dois será Nuno Amorim, engenheiro, que foi durante mais de três décadas chefe de divisão de obras e urbanismo na autarquia limiana.

“Reunimos um grupo de trabalho, com especialistas, cada um nas suas áreas, para tentarmos fazer melhor, ou pelo menos darmos aos limianos uma oportunidade de, em caso de não se reverem na situação em que estamos, poderem optar”, refere Gaspar Martins, assegurando que o objetivo é ganhar a câmara.

“Estamos convictos de que vamos conquistar a Câmara”, reforça. “De qualquer maneira, sou um democrata, e entendo que está na mão do povo essa vontade. Se o povo entender que a nossa equipa merece que eu seja presidente da Câmara, o povo vai legitimar que o seja; se o povo entender que quem está, está bem, vamos respeitar essa vontade”, acrescenta.

O VIRAMILHO só vai apresentar listas à Câmara e à Assembleia Municipal e, neste caso, só porque a lei eleitoral o obriga para a candidatura ter direito aos tempos de antena.

Já para as juntas de freguesia, “desde a primeira hora” que o movimento “entendeu que não pode nem deve concorrer”. Isto porque, durante os 20 anos em que esteve na câmara, Gaspar Martins convidou ou participou na equipa que convidou os presidentes de junta, “a maior parte deles ainda hoje estão eleitos”.

“Apoiamos os [presidentes de junta] que o povo escolher. E, além disso, não conheço em nenhuma freguesia haja desconforto generalizado”, sublinha o anunciado candidato, garantindo que esse fator não será usado como desculpa caso o movimento não seja bem sucedido.

“O povo é soberano e a sua decisão é sábia. Não termos a listas nas freguesias não vai prejudicar a candidatura à câmara. Se não formos ganhadores não vamos, de maneira nenhuma, aparecer a dizer que não ganhámos porque não apresentámos candidaturas nas juntas”, conclui.

Ponte de Lima é desde 1976 governada pelo CDS. Victor Mendes, atual presidente da Câmara, está impedido de se recandidatar devido à limitação de três mandatos.

Continuar a ler

Viana do Castelo

Navio Gil Eannes, em Viana, encerra nos feriados de dezembro

Covid-19

em

Foto: Fundação Gil Eannes

O navio Gil Eannes, atracado na doca comercial e Viana do Castelo, vai estar encerrado nas próximas segundas-feiras, 30 de novembro e 07 de dezembro, e também nos feriados 01 e 08 de dezembro, foi hoje divulgado.

Em comunicado hoje enviado às redações, a fundação que gere a embarcação explicou que a decisão foi tomada pelo seu conselho diretivo com base nas novas medidas de contenção implementadas pelo Governo no combate à pandemia covid-19.

O horário de visitas ao navio museu também recebeu um pequeno ajuste, estando aberto em horário contínuo, das 10:00 às 17:00, de segunda a sexta-feira.

A bordo do navio está patente uma nova exposição de fotografias, denominada “Instrumentos de Urdir Paisagens – Um Tempo, Um Espaço e Um Olhar” de José Pastor, que pode ser visitada gratuitamente todas as quartas-feiras de tarde.

Continuar a ler

Populares