Seguir o O MINHO

Barcelos

Afinal, número dois do PS à Câmara de Barcelos vai ser uma mulher

Alexandre Maciel em terceiro

em

Foto: DR / Arquivo

O número dois do PS à Câmara de Barcelos vai ser uma mulher e Alexandre Maciel, que tinha sido proposto pela Federação Distrital para esse lugar, fica em terceiro. Esta é a conclusão de uma reunião tida entre as partes na passada quinta-feira, 6 de maio, em Lisboa e que consta de uma deliberação aprovada pela Nacional do partido a que O MINHO teve acesso.

Nessa reunião estiveram presentes o Secretário-Geral Adjunto do PS, José Luís Carneiro, a Secretária Nacional para a Autarquias, Maria da Luz Rosinha, o Secretário Nacional para a Administração e Finanças, Luís Patrão, o Presidente da Federação de Braga, Joaquim Barreto, o presidente da Concelhia e da Câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes, da Presidente das Mulheres Socialistas de Braga, Palmira Maciel, e Horácio Barra e Alexandre Maciel.

Dessa reunião saíram as “decisões conjuntas” de que o número dois da lista à Câmara “será uma mulher” que será escolhida “por diálogo e acordo entre o candidato à Câmara e o Departamento Federativo das Mulheres Socialistas”.

Esta decisão vai ao encontro do pedido pelas Mulheres Socialistas de Barcelos que publicamente afirmaram não aceitar dois homens nos primeiros lugares da lista.

Ficou decidido também que Alexandre Maciel “será o candidato número três” da lista à Câmara. Recorde-se que, como O MINHO noticiou, Alexandre Maciel – que nunca escondeu a ambição de ser candidato a presidente da Câmara – foi proposto pela Distrital como número dois, tendo inclusive o seu presidente, Joaquim Barreto, enviado mensagens aos militantes a confirmar essa posição.

Por outro lado, o nome de Alexandre Maciel estava a ser rejeitado pela fação afeta a Horácio Barra e Miguel Costa Gomes. Em causa estavam as divergências ainda resultantes da cisão no partido em 2016 que levou Alexandre Maciel a abdicar dos pelouros em solidariedade com o vice-presidente Domingos Pereira, a quem o presidente retirou os pelouros e que depois viria a fundar o movimento independente Barcelos, Terra de Futuro.

A falta de acordo entre fações levou a que o processo fosse avocado pela Federação Distrital.

A deliberação da Nacional do PS também confirma que o candidato à Câmara é Horácio Barra, atual presidente da Assembleia Municipal, e o candidato à Assembleia Municipal é Miguel Costa Gomes, atual presidente da Câmara impedido de se recandidatar devido à limitação de mandatos.

“A Federação Distrital de Braga continua a conduzir o processo para a designação dos candidatos autárquicos a integrar a lista do órgão Câmara Municipal no âmbito do processo eleitoral de Barcelos, nos termos da avocação aprovada”, refere ainda o documento.

A Câmara de Barcelos conta atualmente com cinco eleitos do PS, quatro da coligação PSD/CDS e dois do movimento independente Barcelos, Terra de Futuro.

Mário Constantino, atual vereador no executivo municipal, é o cabeça-de-lista do PSD à Câmara de Barcelos que vai concorrer coligado com o movimento independente Barcelos, Terra de Futuro e o CDS.

Populares