“Acho que a equipa deu um passo atrás”

Foto: DR

Declarações após o jogo Rio Ave-Vizela (1-1), da 14.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado hoje em Vila do Conde:

Pablo Villar (treinador do Vizela): “Foi um primeiro tempo equilibrado, entre duas equipas que se respeitaram. Na segunda metade, entrámos bem, chegámos à vantagem, mas a partir daí acho que equipa deu um passo atrás.

Devíamos ter sido mais consistentes. O Rio Ave empatou e, pouco tempo depois, surgiu a expulsão [de Matías Lacava]. Percebemos que podíamos salvar um ponto, embora não fosse isso queríamos.

(Sobre o golo de Essende) Foi importante, porque nos deu um ponto, e fico contente por ele ter marcado.

(sobre as limitações na equipa) Não foi fácil lidar com as contrariedades das lesões esta semana. Tentámos gerir a situação da melhor maneira. Para a semana ainda será pior, pois, após esta expulsão, não temos qualquer extremo”.

– Luís Feire (treinador do Rio Ave): “Ficámos com a sensação de que o empate podia ter sido uma vitória.

Começámos muito encaixados, com pouco intensidade, ao contrário do que desejávamos. Tínhamos de ser mais intensos, fomos hesitantes e arriscámos pouco.

Não gostei da primeira parte. Não fizemos muito para vencer, nem fomos uma equipa que deu respostas. Ao intervalo, tentámos corrigir, para sermos mais agressivos, mas o Vizela fez primeiro o golo, e só a partir daí nos libertámos e criámos oportunidades.

Tivemos de arriscar nas substituições, colocando muita gente na frente, fizemos o empate e merecíamos ganhar, porque só deu Rio Ave até ao fim”.

 
Total
0
Partilhas
Artigo Anterior

Vizela empata em Vila do Conde

Próximo Artigo

Treinador garante Famalicão preparado para defrontar Estoril "no melhor momento da época"

Artigos Relacionados
x